Notícias

Filtro por empresas

Fenattel - 14/06/2017

Mapeamento feito pelo DIEESE aponta cenário menos ruim que 2016 nas negociações

Segundo levantamento preliminar feito pelo DIEESE e apresentado pela subseção nacional de Telecom, 51,2% das categorias (65 acordos) que encerraram as negociações coletivas este ano já obtiveram índices superiores ao INPC acumulado dos últimos doze meses em cada data-base. 
 

Em comparação com todo ano de 2016 quando apenas 18,9% das categorias obtiveram índices superiores do INPC, pode-se avaliar uma melhora no cenário.
 

A inflação acumulada caiu. Em parte graças à economia ter sido mergulhada em recessão, o que freou o consumo e fez os preços caírem. Não é o cenário ideal para os trabalhadores, mas quem está no mercado de trabalho tem conseguido repor as perdas da inflação. 
 

Entre os acordos fechados em 2017, 37,4%  foram igual ao INPC e só 11,8% fecharam abaixo da inflação, como enfermeiros, por exemplo, que aceitaram 4% em duas parcelas de 2%.

 
Na avaliação de especialistas, além do percentual, deve-se levar em consideração o conjunto do acordo, com a manutenção de cláusulas sociais sensíveis como assistência médica. Isso porque, em alguns casos, reajustes maiores vieram às custas de perda de outros direitos. O INPC acumulado até 1 de abril, por exemplo foi 4%. 
 
Distribuição dos reajustes salariais e variação real média dos reajustes, segundo comparação com o INPC-I

painel Ano   Acima do INPC    Igual ao INPC  Abaixo do INPC   Variação     real      média    TOTAL
% % % %
816 reaj. 2008 625 76,6% 97 11,9% 94 11,5% 0,86% 816 100,0%
815 reaj. 2009 648 79,5% 95 11,7% 72 8,8% 0,90% 815 100,0%
804 reaj. 2010 705 87,7% 63 7,8% 36 4,5% 1,66% 804 100,0%
807 reaj. 2011 702 87,0% 57 7,1% 48 5,9% 1,33% 807 100,0%
802 reaj. 2012 751 93,6% 39 4,9% 12 1,5% 1,90% 802 100,0%
784 reaj. 2013 674 86,0% 60 7,7% 50 6,4% 1,21% 784 100,0%
780 reaj. 2014 705 90,4% 57 7,3% 18 2,3% 1,34% 780 100,0%
753 reaj. 2015 382 50,7% 230 30,5% 141 18,7% 0,20% 753 100,0%
714 reaj. 2016 135 18,9% 317 44,4% 262 36,7% -0,52% 714 100,0%
127 reaj. 2017 65 51,2% 47 37,0% 15 11,8% 0,41% 127 100,0%


Quadro II – Reajustes data base abril 2017

Categoria Data Base Percentual

Metalúrgicos Joiville SC Abril 5%

Publicidade listas SP Abril 5%

Publicidade Agencias SP Abril 5%

SENALBA  RS Abril 4,57%

Prestadoras Telecom RJ  Abril 4% (2x)

Enfermeiros SP Abril 4% (2x)

Transporte Urbano Rod.MG Abril 4,69%

Plásticos Joivinville SC Abril 4,57%

Químicos ABC Abril 5%